Jornalistas emocionam-se com história de criança do Alepo


Este já não é o primeiro caso de sofrimento apático que é vivido no outro lado do mundo e que faz chorar quem o tem que relatar.
Desta vez, aconteceu num canal televisivo turco, onde dois jornalistas comentam o episódio de uma criança, que devido aos bombardeamentos na cidade do Alepo, teve que ser operada de urgência, mas sem anestesia.
Isto devido ao conflito que se vive na Síria, que já não permite o mínimo de ajuda humanitária.

Veja também

Cadela deixada em canil vê os donos voltarem para levarem outro cão

Partilhar

Relacionados

Próximo
« Anterior
Anterior
Próximo »